Brasil
VLibras O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Mais um recorde no Porto de Vitória: a movimentação de cargas de janeiro a agosto foi a maior dos últimos 10 anos. O crescimento chegou a 26,20% em comparação com o mesmo período do ano passado: 5.153.287 t contra 4.083.534 t em 2020, diferença de 1,066 milhão de t. Somente no mês passado, o aumento foi de 8,79% (664.446 t/2021; 610.778 t/2020).

“A movimentação de agosto confirma o excelente ano de 2021 para o Porto de Vitória. A expectativa é alta para o último quadrimestre com o escoamento de fertilizantes para a próxima safra. É importante ressaltar que os indicadores de produtividade vêm apresentando bons resultados. O Porto de Vitória vem mantendo um bom nível de serviço mesmo com o aumento da movimentação”, explicou Leonardo Bianchi, chefe da Coordenação de Planejamento de Desenvolvimento (COPLAD).

Cargas

Entre as cargas, o granel sólido e a carga conteinerizada têm a maior participação nos oito primeiros meses, com 41,48% e 38,41% do total, respectivamente. Em seguida aparecem: granel líquido (12,52%) e carga geral (7,58%). No acumulado do ano em relação ao mesmo período de 2020, destaque para o carvão mineral (+176,6%) e o malte (+42,5%).

Outro dado positivo foi a movimentação de veículos com 59.6 mil t (+73,41%): 29.165 unidades contra 17.172 no ano passado. O crescimento em todos os tipos de movimentação de cargas também fez aumentar o número de atracações: nos oito primeiros meses do ano, foi registrado um total de 479 navios operando no porto, num aumento de 9,11%  em relação a 2020, que recebeu no mesmo período, 439 embarcações..

Os principais destinos das cargas são: Estados Unidos (navegação de longo curso) e Porto de Santos - SP (cabotagem).

 

Coordenação de Comunicação da CODESA

Galeria

VTMIS

Conheça o Sistema de Informação e Gerenciamento do Tráfego de Embarcações (VTMIS)

Acesse agora
Video

Saiba mais sobre o Porto de Vitória